Posts Recentes

V Edição do Intercâmbio Quilombola das Comunidades do Procase é realizada em Serra Branca


O Governo do Estado da Paraíba, através do Projeto de Desenvolvimento Sustentável do Cariri, Seridó e Curimataú (Procase), em parceria com o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida) e a Prefeitura Municipal de Serra Branca realizaram, nos dias 06 e 07 de dezembro, a V Edição do Intercâmbio de Comunidades Quilombolas inseridas nos territórios de atuação do Procase, realizado na Comunidade Cantinho, no município de Serra Branca.

O evento, que trouxe como tema Quilombolas: Conquistar e Garantir o Reconhecimento e os Direitos Sociais, contou com a participação de representantes das comunidades: Pitombeira (Várzea), Talhado (Santa Luzia), Serra do Abreu (Nova Palmeira), Lagoinha (Serra Branca), Cacimba Nova (São João do Tigre), Roça Velha (Camalaú), Ligeiro (Serra Branca), Santa Rita (Congo) e Santa Rosa (Boa Vista). Também contou com a participação de políticos locais, técnicos e população em geral, somando um total de quase 300 participantes.

Para a gerente de Desenvolvimento Humano do Procase, Aparecida Henriques, o evento marcou um momento de celebração pelas conquistas. “Foi hora de partilhar tudo que conseguimos, ao longo do Projeto, discutir os desafios e encorajar as comunidades que estão em processo de reconhecimento. Muito obrigada a todos que participaram desse acontecimento”, afirmou.

A programação do evento contou com a realização de oficinas, apresentação de documentários, rodas de diálogos que debateram os direitos sociais das comunidades quilombolas, depoimentos e apresentações musicais e de dança. A quilombola Edilene Monteiro Fernandes, da comunidade Santa Rosa, ministrou a oficina extra de turbantes e falou sobre a importância do intercâmbio. “Os eventos organizados pelo Procase são uma oportunidade não só de reencontro, mas acima de discussão dos direitos de vários temas que envolvem as comunidades quilombolas. Todos nós somos muito gratos ao Procase por todo carinho e dedicação dedicado a nós todos estes anos”, disse.

Para a assessora de gênero do Procase, Maria do Carmo Soares, é notório o processo de avanço das comunidades quilombolas da Paraíba: “é maravilhoso ver o avanço das pessoas e seus grupos. Desde o primeiro intercâmbio, em 2015, muitas histórias de vida foram acompanhadas pelo Procase, celebrando conquistas e valorizando, acima de tudo, a identidade negra. Muito obrigada ao poder público local por todo apoio, as pessoas que participaram e que reforçam a cidadania e tecem vida digna com o povo negro”, enfatizou Maria.

O Procase é fruto da parceria entre o Governo do Estado da Paraíba e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), organismo das Nações Unidas (ONU), beneficiando 56 municípios do semiárido paraibano, e visa fortalecer a agricultura familiar e contribuir para o desenvolvimento rural sustentável, reduzindo os níveis de pobreza rural e fortalecendo ações de prevenção e mitigação da desertificação.

Central de Notícias

mulher

Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square