top of page

NOTÍCIAS DO PROCASE

PROCASE 2 e Projeto EcoProdutivo são lançados em João Pessoa


Nessa quarta-feira (14), o coordenador estadual do Projeto de Desenvolvimento Rural Sustentável da Paraíba, Nivaldo Magalhães, lançou, oficialmente, o Projeto Procase 2 e o Projeto EcoProdutivo. O evento ocorreu na sede da Empresa Paraibana de Pesquisa, Extensão Rural e Regularização Fundiária – EMPAER, em João Pessoa, presidido pelo secretário executivo da Secretaria da Agricultura Familiar e Desenvolvimento do Semiárido, Bivar Duda.

O evento contou com a presença de importantes autoridades, dentre elas o procurador da República na Paraíba, José Godoy Bezerra de Souza; o defensor regional de direitos humanos na Paraíba (DRDH/PB), Edson Júlio de Andrade Filho; da secretária do Meio Ambiente e Sustentabilidade, Rafaela Camaraense; do secretário executivo de Esporte e Lazer, Pedro Matias; da representante da Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana – SEMDH, Maria Auxiliadora da Silva; do diretor-presidente da Empaer, Aristeu Chaves; do coordenador do Projeto Cooperar, Omar Gama; dos representantes do Programa de Estudos e Ações para o Semiárido da Universidade Federal de Campina Grande, Rossino Ramos de Almeida, Fernando Garcia de Oliveira, Daniel Casimiro da Silveira e Vicente de Paulo Albuquerque Araujo; do secretário-executivo do MAPA, Osaniel Nunes da Cruz; da Adriana Carneiro dos Santos, representando a Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar (FETRAF – PB); das representantes da Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão – SEPLAG, Rosimélia Araújo e Simone Olimpio; dos representantes da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado da Paraíba - FETAG/PB, Josildo Irineu da Silva e Ivanildo Pereira Dantas; da prefeita do município do Congo, Flávia Emanoela Souza Pereira Quirino; do deputado estadual Romualdo Quirino; do José Humberto Gomes Filho, da Sudema; do secretário de agricultura do município do Congo, Benedito Carlos da Silva; do secretário administrativo do Congo, Lenilson Bexerra da Silva; da secretaria de planejamento e finanças do Congo, Ianelly da Silva Costa; do Marcelo Pereira, presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural do Município do Congo; do presidente da Associação do Congo e também beneficiário do EcoProdutivo, José Roberto Bezerra; da representante do MST na Paraíba, Diley Aparecida; da representante do Instituto Internacional Arayara, Alice Maria Nóbrega; das agricultoras do município do Congo, Jailma Antonia da Silva, Ana Carla Ramos e Maria Wilma Lima, além das equipes dos Projetos Procase, Cooperar, SEAFDS, SEJEL e Empaer.

A atividade teve início com a apresentação da consultora de Monitoramento & Avaliação do Projeto Procase, Carleuza Andrade, que mostrou os resultados do Procase 1 e falou sobre as principais ações que fazem parte do Plano de Ação para o Procase 2, que teve o financiamento aprovado no dia 01 de junho pela Comissão de Financiamentos Externos (Cofiex) do Ministério do Planejamento. A segunda etapa do Procase irá investir US$ 105 milhões no desenvolvimento rural sustentável, com abrangência nos 223 municípios do estado, beneficiando diretamente 50 mil famílias. Dos US$ 105 milhões destinados ao Procase 2, US$ 70 milhões serão provenientes do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), US$ 10 milhões do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida) e US$ 25 milhões de contrapartida do Governo do Estado. Carleuza apresentou as ações que irão contribuir para o desenvolvimento rural sustentável da agricultura familiar nos territórios paraibanos, reduzindo os níveis de pobreza rural e fortalecendo as ações de enfrentamento e mitigação às mudanças climáticas. Também deu destaque ao público prioritário do Projeto, que incluem mulheres, jovens e comunidades tradicionais.

Em seguida, o coordenador do Procase, Nivaldo Magalhães, falou da importância das ações do Procase 2 junto aos agricultores familiares paraibanos, reforçando as parcerias com a EMPAER e com as demais secretarias do Estado, dentre elas: a Secretaria da Agricultura Familiar e Desenvolvimento do Semiárido; a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Sustentabilidade - SEMAS, a Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer – SEJEL, das Secretarias de Estado de Desenvolvimento Humano (SEDH) e da Mulher e diversidade Humana (SEMDH). Nivaldo também fez a introdução do Projeto EcoProdutivo. Segundo o coordenador, “a proposta é difundir um modelo de exploração sustentável para as comunidades rurais no Estado da Paraíba, usando de forma racional os recursos naturais sob a lógica da convivência com o semiárido”. O coordenador agradeceu a parceria com a prefeita do município do Congo, Flávia Emanoela Souza Pereira Quirino, onde o Projeto já está em andamento, na comunidade Tapera. Também foi feita a assinatura dos termos de cooperação técnica com a Prefeita e também com o diretor-presidente da Empaer, Aristeu Chaves.

O Projeto EcoProdutivo foi apresentado pelo consultor agrícola do Procase, Felipe Leal, que assumiu a gerência do Projeto, que será executado dentro das ações do Procase, em fase de implantação junto a Associação Comunitária dos Agricultores Produtores Criadores e Apicultores das comunidades de Tapera, Tatu, Poço Comprido e Barro Branco, por meio de convênio, beneficiando diretamente 50 associados - incluindo 12 mulheres e 5 jovens – e, indiretamente, um total de 84 associados. As principais metas do EcoProdutivo foram apresentadas, dentre elas: a melhoria genética de 400 bovinos, 1.800 caprinos e 1.800 ovinos; implantação de campo de palma consorciado com árvores frutíferas; investimentos na piscicultura (com a criação de tilápias em tanques) e na meliponicultura (com a implantação de 15 colméias); desenvolvimento de Método de Condução da Regeneração Natural, combinado com técnicas de Nucleação na área de Preservação Permanente (APP) do Riacho localizado à noroeste do imóvel; implementação de práticas de manejo sustentável do solo e a utilização de energias renováveis no imóvel rural, com a instalação de sistema de geração de energia solar. Além disso, serão promovidas diversas capacitações que irão preparar os agricultores familiares da região para a execução das atividades.

Segundo a secretária do Meio Ambiente e Sustentabilidade, Rafaela Camaraense, a parceria da SEMAS com o Procase é fundamental para a Paraíba. “O Procase também visa muito a sustentabilidade e a preservação do meio ambiente e o desenvolvimento econômico dos municípios e das famílias está muito ligado com a questão ambiental. A participação da secretaria hoje, aqui neste evento, é importante para mostrar o alinhamento entre as ações da SEMAS e de um projeto dessa magnitude. Quem ganha são as famílias beneficiadas. Isso demonstra uma grande sensibilidade por parte do governador João Azevêdo e reforça o quanto o Procase é benéfico para o Estado da Paraíba”, afirmou Rafaela.

O secretário Executivo de Esporte e Lazer, Pedro Matias, parabenizou o evento e falou das futuras parcerias. “É muito bom visualizar um projeto que tem como um dos públicos prioritários a juventude paraibana. Desde já a SEJEL se coloca à disposição para o trabalho que será desenvolvido com estes jovens”.

O agricultor José Roberto Bezerra, do sítio Tapera, onde o EcoProdutivo está sendo implantado, no Congo, agradeceu ao coordenador Nivaldo Magalhães a e equipe técnica do Procase pela escolha da sua propriedade; “hoje a gente sabe da responsabilidade que a gente tem de começar um projeto desse porte, mas eu e minha família nos sentimos privilegiados de poder contar com o Procase, a Empaer, a Prefeitura e outros parceiros para a melhoria da nossa condição de vida”, disse José.

Kommentare


Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page